Resenha de Melhor que Chocolate, Laura Florand
CampNaNoWriMo 2015: outra competição, dessa vez de escrita
The Wattys: a competição anual do Wattpad




3 de março de 2016

Resenha: Precisava de Você, Pedro Guerra

Precisava de Você
Autor: Pedro Guerra
Editora: Belas Letras
Gênero: Literatura juvenil
Páginas: 224
Sinopse: Então está aqui tudo o que eu guardei por algum tempo. A partir de agora eu pretendo escrever, desde o começo, a nossa história (se é que eu posso chamar assim). O nosso (des)romance. Acho que a melhor maneira de se livrar de alguma coisa (neste caso, de alguém) é colocando para fora. Então é isso que eu vou fazer. Eu vou te exorcizar de mim. Que droga. Que droga, Gabriel Vegas. Eu gostava de você pra caramba.



Em Precisava de Você, o Pedro Guerra (ou Lola Tavares) decidiu livrar definitivamente o seu coração de um amor que não deu certo. E qual melhor maneira de se aliviar de 543243 de sentimentos, memórias e segredos sufocantes? Colocando tudo no papel!

A Lola Taveres, uma jovem universitária simples de cidade pequena conheceu seu grande amor em um ponto de ônibus (ou o que conseguiu enxergar dele, graças a sua miopia) e a partir daí, Gabriel Vegas impregnou em sua vida. De início ela não sabia como cruzar com aquele garoto novamente, mas o destino colocou Gabriel no caminho de Lola e cada novo momento que passavam juntos, ela sente que se aproxima mais e mais de seu coração. Enquanto Lola enxerga Gabriel como a perfeição dos seus sonhos, tudo e todos em volta do garoto dizem o contrário, mas deixando de lado a "implicância" dos outros, Lola mergulha de cabeça em um sentimento que pouco conhecia, decidida a confiar em Gabriel e esperando que ele se apaixonasse tanto quanto ela se apaixonou.
Porém, quanto mais Lola se esforçava para fazer o relacionamento dar certo, mais Gabriel se distanciava e nessas demonstrações de pouco afeto e preocupação é que Lola consegue ver além da névoa colorida de seu primeiro amor e enxergar quais as reais intenções de Gabriel com ela.

Ok. Eu gostei de tantas coisas nesse livro, que era melhor eu só escrever "ESSE LIVRO É MARAVILHOSO, MEU DEUS! COMPREM NOW!" e encerrar a resenha. Porque o amor em Precisava de Você faz aquela escalada que todo mundo deseja depois de dar um ponto final em um relacionamento sem futuro. Começar no amar ao outro e seguir para o "amar a si mesmo". Durante a leitura, nós conhecemos em primeira pessoa a história de amor de Lola e Gabriel (tá mais para só da Lola) do começo ao fim, um fim bastante ruim, "o" fim que a maioria dos livros só mostra a superação. Mas a Lola narra esse amor póstumo e desastroso com um humor ressentido tão contagiante, que você fica aflita lendo a decadência desse amor que a garota se esforçava para fazer vingar e sente cada tombo, cada sacanagem que o Gabriel faz com ela como se fosse em nós mesmos. Gente, quase não dá para lembrar que foi o Pedro Guerra que escreveu esse livro. O jeito como a Lola conversa diretamente com o Gabriel, explicando o que ela sentiu em tal situação e o que ela imaginou que ele sentiu, dá aquela sensação de estar lendo um diário roubado. 

"Acho que a melhor maneira de se livrar de alguma coisa (nesse caso, de alguém) é colocando para fora. Então é isso o que eu vou fazer. Eu vou te exorcizar de mim".

Os capítulos enxutos e diretos me fizeram sentir falta antes mesmo do livro acabar! Eu queria comer o livro com farinha para saciar a minha curiosidade, mas também queria me agarrar nele e não terminar rápido demais. O sucesso maravilhoso dessa leitura pessoal, foi que esse "diário" foi o desprendimento de Lola de qualquer ressentimento para poder pisar livre, leve e solta em um próximo relacionamento que a fizesse mega feliz. Só mostrando como o Pedro Guerra construiu uma personagem que vai da fragilidade e exposição do primeiro amor, á uma mulher forte e decidida de que merece muito mais do que o desastre que Gabriel ofereceu. Sério, esse livro deveria estar na educação desses jovens. Uma lição de amor próprio A+++!

Precisava de você também conta com inúmeras ilustrações lindíssimas e profundas e outros elementos na narrativa como inbox e chats, o que dá a cara jovial que essa estória e a deixa ainda mais atraente. Além disso tudo, o autor reservou uma surpresa TUDA e na edição que eu ganhei (obrigada Jade, minha irmã favorita), veio também um CD com a música tema do livro (vocês vão amar) e que é tão linda, que tô com ela no "repeat" até agora. Creio que tenha sido um brinde de pré-venda, mas vocês podem ouvir AQUI.

A Editora Belas Letras caprichou com dois tipos de capa, com fonte e ilustrações em azul ou cor de rosa e fundo pardo. Páginas amareladas, fonte em tamanho confortável e não me lembro de ter qualquer errinho. Um capricho só!

"E naquele fim de tarde, a minha pseudomiopia mal podia te enxergar. Então tive que desenhar as partes de você que meus olhos não conseguiam definir. Sim, eu pincelei o resto de você em minha mente. E misturado ao todo, você ficou perfeito".

Gente, o Pedro Guerra resolveu nos presentear com aquela jornada divertida, apesar das desventuras e que só termina nos presenteando com auto conhecimento e senso de valor que todo mundo queria na adolescencia. Tudo isso embalado em uma narrativa muito gostosa, uma personagem doidinha e mais um monte de presentes que só lendo, viu! Todo mundo precisa ler esse livro, do fundo do coração (vou dar umas livradas em quem não quiser, até querer). Me apaixonei quando li, meu coração tá doendo de amor agora que estou contando para vocês e tenho certeza que a cada releitura vai ser love. 

Avaliação: ★★★★★

Beijos!
Aline Azevedo

0 comentários:

Postar um comentário

 
♥ Theme por Yara Lima, do Dear Maidy, exclusivo para Romantic lit © 2015 • Todos os direitos reservados • Topo