Resenha de Melhor que Chocolate, Laura Florand
CampNaNoWriMo 2015: outra competição, dessa vez de escrita
The Wattys: a competição anual do Wattpad




22 de novembro de 2012

Opiniões de Umas_Leitoras - "Belo Desastre" de Jamie Mcguire




Olá pessoal! Bem, este é o primeiro “Opiniões de Umas_Leitoras” e resolvi começar muitíssimo bem com o livro Belo Desastre, da escritora Jamie Mcguire. Para quem não conhece o livro, postarei em seguida a sinópse oficial, mas antes, deixe-me explicar como este post funciona. Algumas leitoras responderam um questionário com sete perguntas sobre o livro e cada uma deu sua opinião, assim, havendo interpretações diferentes sobre a mesma obra e tomara! instigar os leitores a lerem-o. Bem, então aqui vamos nós!
Uma_Leitora chamada Eu Aline Azevedo.

1. O que está achando do livro? (O que achou do livro)

Achei o livro sensacional. A relação de idas e vindas do Travis e da Abby prendem o leitor desde a primeira linha até a última. E uma coisa legal, é que a Abby não é como as menininhas frágeis de romances, ela é forte, é determinada e não perdoa os erros do Travis tão fácil. Tirando os outros personagens lindos, como o casal Shepley & America, Fitch e o Totó. O enredo de primeira não parece lá estas coisas, mas ao desenrolar da história fica muito bom, muito envolvente.

2. Qual seu trecho favorito?

“- Eu sei que a gente tem problemas, tá? Sou impulsivo, esquentado, e você me faz perder a cabeça como ninguém. Num minuto você age como se me odiasse, e no seguinte como se precisasse de mim. Eu nunca faço nada direito, eu não te mereço… mas, porra, Abby, eu te amo. Eu te amo mais do que jamais amei alguém ou alguma coisa em minha vida. Quando você está por perto, não preciso de bebida, nem de dinheiro, nem de luta, nem de transas sem compromisso… eu só preciso de você. Eu só penso em você. Eu só sonho com você. Eu só quero você.” (Um trecho quilométrico)

3. Qual o seu personagem favorito?

Eu adoro a America. Ela é incrivelmente compreensiva, amorosa, defende a Abby, mesmo colocando o seu namoro em jogo, viajou com a Abby para não deixá-la sozinha… Ela é o tipo de melhor amiga que todos desejam ter. (Inclusive eu).

4. Se pudesse ser um dos personagens, qual seria e porque?

Ah, eu seria o Travis xD Eu acho sensacional essa personalidade badboy dele, apesar do sofrimento que ele passa no livro. Os sentimentos dele são muito verdadeiros e o amor que ele sente pela Abby é algo muito puro e honesto. Além dos irmãos maravilhosos que ele tem ;D

5. O que as pessoas dizem quando veem você lendo este livro?

“Aline, pare de ler e me dê um pouco de atenção!”

6. Qual crítica e elogio daria a autora?

Bem, crítica eu não tenho nenhuma, mas fico muito triste de a continuação do livro, ser a mesma história, porém com POV do Travis. Acho que dava pra desenvolver muito mais a história e daria sequências magníficas. E elogio, todos os existentes na face da terra. Foi um dos poucos livros que eu dormia e acordava pensando, eu não conseguia parar de ler, virei madrugadas grudada na história. Reviravoltas incríveis, personagens cativantes, sentimentos lindos, etc. Parabéns a Jamie e espero muitos outros livros maravilhosos!

7. Deixe um recado para os futuros leitores deste livro.

Não se sinta louco (a) por ler até 3 horas da manhã, isso aconteceu com a maioria de nós ;D


♥-♥-♥


Uma_Leitora chamada Beatriz Medeiros
1. O que está achando do livro? (O que achou do livro)

A-M-E-I o livro! Sério, são poucos livros que me encantam, e Belo Desastre com certeza foi um desses.

2. Qual seu trecho favorito?

” - Eu sabia, no segundo em que te conheci, que havia algo em você que eu precisava. Acabou que não era algo em você. Era simplesmente você.” 

3. Qual o seu personagem favorito?

Travis Maddox, sem dúvidas! Fiquei apaixonada por ele, sabe, ele é forte e invencível nas lutas, mas perto da Abby ele se torna um garoto protetor, apaixonado, fofo e ciumento - e bota ciumento nisso kk.
4. Se pudesse ser um dos personagens, qual seria e porque?

Seria a Abby Abernathy. Sabe, gostaria de ter a vida dela, ter um Travis Maddox só para mim. E tenho um carinho especial por ela pelo fato de que ela não é uma garota bobinha e chata - como muitas garotas de livros de romance são.

5. O que as pessoas dizem quando veem você lendo este livros?

“Lendo esse livro de novo, Bia??” 

6. Qual crítica e/ou elogio daria a autora?

Gostei do modo que ela criou a Abby, de modo que ela não se tornou previsível. Achei muito maneiro a personalidade do Travis, normalmente garotos tipo ele não tratariam a Abby como ele tratou. A América e o Shepley então, adorei o casal, mas ao mesmo tempo, senti um pouco de pena, porque a cada briga que o Travis e a Abby tinham, eles precisavam se separar para cada um ajudar o casal brigado. Enfim, eu adorei o livro e vivo indicando ele as minhas amigas. Nunca li um livro desse gênero tão bom como esse. Jamie McGuire, seu livro é muito perfeito. 

7. Deixe um recado para os futuros leitores deste livro.

Seguinte, futuros leitores de Belo Desastre, se querem ler esse livro, não leiam a noite, porque você não vai querer parar de lê-lo mesmo morrendo de sono. É um livro cheio de drama, romance, discussões e perfeição! Não é previsível e nem meloso demais. E se você for uma garota, vai adorar o Travis Maddox assim como eu e a Abby.

♥-♥-♥

Uma_Leitora chamada Camila D’amore
1. O que está achando do livro? (O que achou do livro)

Eu achei o livro muito divertido e romântico. Ele prende a nossa atenção a cada instante, e você tem que se controlar para não ler o livro inteiro em um dia só, porque a história é bem original e muito interessante.

2. Qual seu trecho favorito?

Meu trecho favorito é aquele em que o Travis diz: “Porra, como eu te amo” 

3. Qual o seu personagem favorito?

Na verdade são dois: Travis e Shepley

4. Se pudesse ser um dos personagens, qual seria e porque?

Shepley, kakaka, porque ele é muito engraçado e muito gente boa, adoro a maioria das ações e falas dele xD

5. O que as pessoas dizem quando veem você lendo este livros?

Minha mãe me chama de “devoradora de livros”, rsrs. E na escola, minhas amigas às vezes “brigam” comigo por eu dar mais atenção ao livro do que para elas, por isso só leio em casa agora, kaka. Bom, e as outras pessoas apenas perguntam o nome do livro e se é bom, mas como sou péssima em resumo não atraio muitos fãs para o livro. 

6. Qual crítica e elogio daria a autora?

Bom… de crítica eu diria que achei o final um pouco “forçado”, ou talvez seja eu querendo uma continuação, kk. E de elogias, ai meu Deus, são muitos… mas os principais são a narrativa, o jeito como o Travis e o Shepley agem é muito interessante, o passado da Abby me surpreendeu e a história tem muitos conflitos e problemas o que deixa mais empolgante a leitura já que os leitores esperam uma resolução.

7. Deixe um recado para os futuros leitores deste livro.

Bom… eu diria que se você gosta de romance, compre esse livro, que é muito bom e tem partes muito fofas que fazem qualquer garota dizer “Awnn”. Mas se você não curte muito romance, você pode comprar pela história, que é muito legal, e pelas risadas que você vai dar, porque Travis, Shepley, America, Abby e Finch conseguirão fazer você rir em algum momento xD

♥-♥-♥ 



Uma_Leitora chamada Evelyn 




1. O que está achando do livro? (O que achou do livro) 



Eu gostei bastante do livro. A história pode parecer um pouco clichê, por causa dessa coisa meio bad boy do Travis, mas os personagens conseguem te conquistar e tudo se torna mais interessante. O relacionamento entre os dois personagens centrais foi bem construído, o que passa verdade no sentimento deles. Os outros personagens apesar de não terem tanto destaque, também são legais e divertidos. 




2. Qual seu trecho favorito?



 É algo dito pelo Travis a Abby: “Tenho menos de vinte e quatro horas com você, Flor .Vou te beijar. Vou te beijar muito hoje. O dia inteiro. Em todas as oportunidades eu tiver. Se você quiser que eu pare é só falar, mas, até você fazer isso, vou fazer cada segundo do meu último dia com você valer a pena.” 




3. Qual o seu personagem favorito? 


Meu personagem favorito é o Travis Maddox. Comecei o livro cheia de impressões erradas sobre ele e depois de algumas páginas já estava completamente encantada pelo jeito dele. Ele sabe ser sincero, sempre cumpre o que diz e quando está apaixonado entrega tudo de si.


4. Se pudesse ser um dos personagens, qual seria e porque? 


Provavelmente seria a America. Ela parece ser uma boa amiga. Esta sempre disposta a defender a Abby e a protegê-la, e acho que sou assim com quem gosto. Costumo comprar muitas brigas que não são minhas, assim como ela.



5. O que as pessoas dizem quando veem você lendo este livros? 


Ninguém me viu lendo o livro, eu o li pela internet. Mas sempre que comentei sobre ele, as pessoas demostraram interesse pela história ou pelo livro. 



6. Qual crítica e elogio daria a autora? 


É muito difícil um livro de romance contemporâneo retratar tão bem jovens assim como ela fez. Normalmente eles exploram demais coisas como drogas e álcool, ou nem tocam nesses assuntos. Ela soube balancear bem as coisas. A minha unica crítica é voltada a personagem da Abby, que em alguns momentos achei bem irritante. Acho que algumas decisões dela no decorrer do livro não se encaixam na personagem em si. Ela ficou meio contraditória. 



7.Deixe um recado para os futuros leitores deste livro. 



O livro é praticamente uma montanha russa de emoções. Em um momento você está completamente encantada pelo casal e no outro que dar umas palmadas em um dos dois. Mas é uma boa história com gostinho de quero mais. Você vai torcer pelos dois do começo ao fim. 


X♥X♥X



Uma_Leitora chamada Layane LC

http://cuidadocomigo.tumblr.com/

1. O que está achando do livro? (O que achou do livro):

Belo Desastre foi uma bela surpresa. Eu ouvi muito falar dele, mas eram opiniões controvérsias e acabaram por me deixar confusa em relação á ele, e como eu só leio um livro tendo a certeza de que no mínimo ele vai me dar vontade de chegar até o final, resolvi procurar a resenha em um blog que eu gosto. Lá me assustei um pouco, porque a resenhista foi muito dura em relação ao livro, dizendo que a relação dos personagens principais era muito assustadoramente doentia, pois o Travis (personagem principal juntamente com a Abby) é muito agressivo e ciumento ao extremo. Ela disse que os únicos sentimentos que o livro transmitiu foi raiva e indignação. 
Desanimei.Serio, foi um balde de água fria. Porém uma amiga minha leu e disse que eu deveria ler. Segui o conselho dela e não me arrependi, pois, sinceramente, esse livro só perde para “sou louco por você” de Federico Moccia (meu escritor favorito). A escrita parece ter vida própria e você se sente na atmosfera do livro. Você consegue imaginar isso acontecendo mesmo na vida real e os personagens criam vida e quase saem das páginas (no meu caso por pouco não entraram nos meus sonhos). Sim, tenho que ser sincera: No inicio do livro o Travis era o tipo de cara que você quer passar bem longe. Ele era arrogante, prepotente, magoava sem se importar e tinha atitudes idiotas. Uma palavra descrevia ele: Canalha. Porém ele nunca seria capaz de machucar a Abby ou qualquer pessoa sem uma razão lógica. E quando eles se conhecem ele muda, Abby consegue exorcizar os fantasmas do passado dele e achar o cara legal que estava soterrado embaixo de tanta coisa ruim. A Abby tem um motivo para tentar fugir de Travis, e no final saberemos que foi plausível. Ela tenta mascarar o que sente, e toma atitudes que qualquer uma de nós poderíamos tomar e depois perceber, assim como ela, que foram nada mais nada menos que idiotas.
Resumo: Eu gostei muito, principalmente o fato de que você não consegue achar um capitulo sequer que seja chato ou desnecessário. Tudo ali serve para o contesto final. 

2. Qual seu trecho favorito?

“Pressionei os lábios, tentando manter a raiva na superfície, mas era impossível continuar brava quando ele me olhava daquele jeito.

- Você não me odeia de verdade… Odeia?

Desviei o olhar e me afastei.
- Às vezes eu gostaria de te odiar. Seria tudo bem mais fácil. 
Um sorriso cauteloso se espalhou em seus lábios, em uma linha fina e sutil.
- Então o que te deixa mais brava? O que eu fiz pra você querer me odiar, ou saber que você não consegue?  ~ Belo Desastre, página 339


3. Qual o seu personagem favorito?

Travis Maddox, sem dúvida nenhuma. A evolução dele é muito real e bem realista ao decorrer do livro, isso me chamou a atenção e me fez ficar fascinada por ele. Gostei muito do passado e da família dele, eles realmente me fizeram rir, e de como a autora o criou e moldou. 

4. Se pudesse ser um dos personagens, qual seria e porque? 

 Abby, porque eu me apaixonei pelo passado dela… Que coisa mais fascinante! 

5. O que as pessoas dizem quando veem você lendo este livro? 

Elas ficaram interessadas, pois a capa é bem diferente do que a gente vê por aí e a sinopse chama a atenção. A capa Brasileira é totalmente diferente que a original, e eu não sei se isso é bom ou ruim. Pois a gente acaba sempre julgando o livro pela capa, e a capa Brasileira basicamente mostra a Abby presa pelo Travis, e isso me revoltou. Que balela! Para mim a relação deles não é doentia, em todo relacionamento existem brigas e ciúmes. 

6. Qual crítica e elogio daria a autora? 

Crítica: Primeiro: não me incomodou, mas me chamou a atenção: America e Brazil. Sério? Mesmo? Segundo: Poderia ter dado mais atenção para os irmãos do Travis, eles aparecem só três vezes, muito bem, diga-se de passagem, porém eles dariam cenas hilárias.
Elogio: A atmosfera, a escrita e o fato de não ter cenas desnecessárias me conquistou. Tudo muito bem pensado e planejado. As cenas de sexo da Abby e do Travis são explicitas, porém é aquela coisa romântica e mesmo as vezes nem tanto,  a gente vê que é necessário para a atmosfera da história, tanto pelo passado do Travis quanto para a relação dos dois. As cenas são muito bem criadas e nem um pouco cansativas.

7. Deixe um recado para os futuros leitores deste livro. 
 Para ler ele, vá de coração e mente aberta. Visualize os personagens sem preconceitos e opiniões já formadas, imagine como pessoas com sentimentos e passados. Lembre-se que assim como na vida nada é perfeito, e nos livros temos que ter uma dose de realidade também, para que eles sejam mais reais e aceitáveis. Leia e diga você mesmo se gostou, não vá pela opinião dos outros, não deixe que ela molde a sua.

♥-♥-♥ 

Espero que tenha gostado e animado vocês a lerem Belo Desastre, pode ter certeza que não irá se arrepender! Em breve estarei com mais uma edição de “Opiniões de Uma_Leitora” e lembrando que quem quiser participar, é só pedir pra eu mandar o questionário pela ask, ok? Também estou aceitando sugestões, já que o blog é novo. Obrigada a Beatriz Medeiros e Camila D’amore e a Evelyn por terem participado, visitem o blog delas se puderem, são sensacionais! 


 Beijos de Uma_Leitora ;*

0 comentários:

Postar um comentário

 
♥ Theme por Yara Lima, do Dear Maidy, exclusivo para Romantic lit © 2015 • Todos os direitos reservados • Topo