Resenha de Melhor que Chocolate, Laura Florand
CampNaNoWriMo 2015: outra competição, dessa vez de escrita
The Wattys: a competição anual do Wattpad




3 de julho de 2013

Séries: Hannibal



Sinopse: Adaptação de Bryan Fuller do livro Red Dragon, a estória apresenta a relação médico-paciente entre Dr. Hannibal Lecter e Will Graham, agente do FBI que procura o doutor para traçar o perfil de um serial killer que vem perseguindo. A partir daí, Hannibal enxerga em seu paciente - que possui o dom de desvendar perfeitamente um assassinato, uma mente fragilizada pelas tantas cenas de crime desmistificadas e uma ótima oportunidade para a manipulá-lo trazendo a tona o perfil perturbado que Will adquire ao decorrer da série.


A pergunta com que começo está resenha é: Como gostar e como não gostar de Hannibal?

Esta série nos joga em um turbilhão de sentimentos tão intenso, que ao final de cada episódio é inevitável não sentir ao mesmo tempo raiva e expectativa.

Uma junção de crueldade requintada, personalidades propícias a manipulação e sangue frio tanto dos personagens, quanto que os espectadores tem de se acostumar a ter para continuar assistindo. Essa descrição parece um pouco ruim, mas toda essa porção de pontos negativos que instiga cada pessoa a continuar a acompanhar e a desejar profundamente que toda a maldade acabe, apesar de saber que o enredo precisa dela para se desenvolver.

A trama se passa em Baltimore, Maryland, onde Will Graham, Ex-agente do FBI é trazido de volta para desvendar com seu dom de "assumir o lugar" do assassino (vendo a cena do crime antes dele acontecer e entendendo o "design" de quem o cometeu) uma série de assassinatos que já havia trazido oito garotas a morte. Em busca de uma visão mais ampla, é recomendado a ele o Dr. Hannibal Lecter, que com sua inteligência e perspicácia o ajuda a juntar os fatos de forma mais consistente e se aproximar cada vez mais do assassino em questão, o "Estripador de Chesapeake".



Will, com sua personalidade vulnerabilizada pelas inúmeras cenas de crime as quais se deparou e com a grande operação para capturar este perigoso assassino, acaba por ser influenciado por seu psiquiatra, que injeta nele tamanhas dúvidas sobre sua sanidade que o faz alcançar um ponto em que não sabe mais quem é e o que faz.

Hannibal é uma das melhores série que já assisti. Já não basta um enredo baseado em um livro tão bom (de forma mórbida), ainda possui aquele clima de cidade nublada e crimes assustadores com os quais a maioria dos fãs de suspense se apaixona. Os personagens e a estória de cada episódio formam um trama inteligente e angustiante, chegando ao ponto onde não sabemos mais se o mocinho ainda é do bem ou se por influência de Hannibal, ele pisa no território dos problemas psicológicos pra ficar. Uma carnificina elegante, que te faz ficar fraco, porém ao mesmo tempo ansioso para pelo próximo episódio.
Uma das melhores tacadas da série, é quase nos esquecermos de que Hannibal é um personagem do mal, devido ao relacionamento vezes confundido com amistoso que ele possui com Will, nos fazendo apegar ao personagem de forma realmente contraditória. Hannibal é proporcionada por um doutor/serial killer elegante, educado e manipulador, que adora servir suas vítimas aos convidados.


A atuação de Mads Mikkelsen é espetacular, a imagem da inteligência e elegância e Hugh Dancy está trabalhando tão bem! Will Graham é um personagem difícil, cheio de surtos e dilemas pessoais e ele o está interpretando gloriosamente.

Muito mais do que traçar uma mente assassina ou o choque do tema "canibalismo" e sim, como uma mente fragilizada e doente pode ser manipulada de forma cruel a ponto de adotar uma nova personalidade completamente diferente, que lhe foi proposta.


Sério, aproveite as férias e corra para assistir Hannibal!

Beijos!
Aline, Uma Leitora


1 comentários:

  1. Eu sou fã soa filmes do Hannibal, e já vi um pedacinho desta série mas não achei que fosse nada relacionado, mas agora vendo sua resenha fiquei im empolgadíssima para assistir, adoro esse gênero policial e o jeito inteligente a até mesmo cruel do doutor Lecter. Adorei sua indicação.
    Bjos

    http://desejoinquieto.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

 
♥ Theme por Yara Lima, do Dear Maidy, exclusivo para Romantic lit © 2015 • Todos os direitos reservados • Topo